Série Pérolas do Rock Nacional – Enigma

duplo-sentido-e28093-1987

Uma das minhas preferidas do Camisa de Vênus, é um clássico. Tomei como uma espécie de tema pessoal, para responder aos invejosos, hipócritas, detratores em geral. Inclusive foi meu tema de fim de ano no rádio, 13 anos atrás. Diz o seguinte:

Quis conter-me mas não pude, revoltado com a atitude dessa gente original,
que pensa ser incomum e julga todos por um, e prega sem ter moral.

Insensatos pregadores, esses cruéis detratores, agem quase sempre assim,
são imbecis personagens, molares das engrenagens e sentem inveja de mim.

Dizem que eu encarno o mal, que eu não passo de um radical, e que eu sempre falo demais,
falo demais…
Dizem esses entendidos, que eu devo tomar juízo, ser como eles banais.

Não os temo e nem me assusto, mesmo sabendo que o justo, paga pelo pecador,
pois quem não deve não medra, atire a primeira pedra e eu mostro o meu valor!

Camisa de Vênus – Enigma
Duplo Sentido – 1987

Letra de autoria do compositor luso-brasileiro, Adelino Rodrigues (o mesmo de Negue), gravada originalmente por Nelson Gonçalves, acredito que na década de 50. A letra foi adaptada por Marcelo Nova.

Rodrigo Branco
https://www.facebook.com/rodrigo.branco.3

Anúncios